Html5 & Css3

UNIVERSIDADE CATÓLICA DO SALVADOR


FABIO ROGÉRIO
GABRIEL DALTRO
JEFFERSON MENEZES
html5.jpg
  • INTRODUÇÃO

Neste trabalho iremos abordar dois assuntos relacionados ao funcionamento de tradução de linguagem web. Suas abordagens, padrões e sua evolução até o momento em que se foi denominado o nome de html 5 e também sua relação com o CSS3. Será apresentado também uma comparação com o compilador, o que correlaciona o tema abordado com o processo de compilação.
O HTML é um linguagem que traduz a linguagem web oriundas de plataformas diferentes, decodificar mostra em tela o que o usário deseja que seja mostrado da melhor maneira possível. Já o CSS3 pode ser visto como um formato web, que pode ser implementado pelo desenvolvedor, possibilitando que o mesmo não precise alterar projetos já existentes, se adaptando aos navegadores, viabilizando chegar a um nível mais compatível.

logo-html5-officiel-w3c.png

  • HTML 5

Html vem da origem do hipertexto, são conjuntos de nós interligados, onde esses elementos podem ser vídeos, imagens, texto, musica e etc. Porém, após toda preparação dos elementos é necessário uma linguagem mundial para que seja entendida por todos universalmente e pelos diversos meios de acesso.
Html 5 é uma linguagem criada para a apresentação de conteúdo WEB. Essa tecnologia é utilizada pelo browser ópera, mas outros navegadores já estão implementando para ter essas funcionalidades. É a quinta versão do HTML, essa versão vem com mais opções e facilidade de manipulação de dados para o desenvolvedor, tornando assim uma forma mais transparente possível para o usuário. Outra vantagem que o HTML5 tem é a utilização de aplicação em multi-plataforma moveis, a exemplo disso, a utilização em smartphones e tablets. Tem o objetivo de adicionar novas funções que incui tag de vídeos, áudio, header. O lançamento do HTML 4 veio com tudo, porém, além de não ser de fácil manuseio do css e javascript, ainda não trazia diferenças no código. Sendo assim ocorreu a necessidade de desenvolver um html avançado e mais robusto, podendo assim manipular elementos, bem como alterar as características dos elementos afim de ser o mais transparente possível para o usuário final.

HTML-What%C2%B4s-All-the-Hype-About-HTML5-21.jpg

Nessa versão modificada do html vem com diversas novidades, por exemplo, além de seus parentes, não é do interesse de outros querer saber onde você se encontra em um determinado momento, porém, o html 5 acaba de descobrir uma maneira de saber onde é a sua localização. Através dos recursos de geolocalização é possível informar aos sites e serviços que o usuário acessa, qual a localização em que o mesmo se encontra. Uma outra novidade através do html 5 é que os aplicativos podem ser acessados off-line e poderão ser implementados com palavras chaves ou valores. Esta linguagem também tem relação com o W3C que é padrão seguido para melhoria de adaptação e tradução de linguagem web. Desde que o HTML 4 se tornou um padrão, algumas formas de uso da internet foram mudadas, inclusive alguns elementos utilizados nesta versão se tornaram ultrapassados, e por isto, alguns itens foram retirados ou renovados para o HTLM5. O que possibilitou o HTML5 a incluir novos itens para melhoria da estrutura da linguagem (forma, desenho e mídia).

  • O QUE É W3C?

O W3C pode ser visto como um tipo de organização ou até mesmo uma associação onde padronizam linguagens web (PHP, HTLM, CSS, e outros). Membros que fazem parte desta organização buscam melhorar as linguagens web, ou seja, estudam a linguagem, buscam uma forma “dela” ser melhor utilizada e padronizam a sintaxe das mesmas. Já fizeram acima de 110 publicações dos padrões utilizados. Também estão engajados em projetos relacionados a educação e divulgação, possibilitando o entrosamento entre profissionais atavés de fórum aberto e debates relacionados a web. Buscando assim que a web possam ser compatíveis entre si e possibilite que os softwares e tudo que utiliza web funcionem juntos da melhor maneira possível.

  • CSS3

Css3 é mais conhecido como folha de estilo, onde se define estilos de páginas Web, em que o usuário planeja os seus efeitos de transições, as imagens, todo o seu layout da sua página web. Com todas essas ferramentas de efeitos o css3 nos permite criar vários tipos de animações, facilitando a vida do usuário e do desenvolvedor, dando uma vasta opção de variedade de transformações em uma apresentação de website. Css3 pode ser suportado pelos browsers do Google Chrome, Ópera, Internet Explorer 9, Safira e Mozilla Firefox.

Vantagens:

  1. Economia de tempo;
  2. Diminuição do tamanho do código da página web;
  3. As páginas irão carregar rapidamente;
  4. Facilidade em fazer alterações na página web;
  5. Controle do layout da página .
CSS3Logo_406A9E5E.jpg

Tipos de Folhas de estilo:

No Css3 há três tipos diferentes de folhas de estilo, o Externo, o Incorporado e o Inline, esses métodos ajudam a ter mais opções diferentes de páginas em HTML.

- Externo = As regras do Css3 ficam em um arquivo separado e com isso a página HTML faz um link para esse arquivo.
- Incorporado = O incorporado especifica as regras do css3 no cabeçalho do documento.
- Inline = As regras do Inline especificada através do css3 dentro de uma tag de HTML.

  • HTML5 & CSS3

Em versões mais antigas os projetos eram desenvolvidos e testados para depois serem divulgados e utilizados nos browsers, com o tempo isso foi mudando, quando foi lançado o HTML 5 e CSS3. Eles foram divididos em módulos para facilitar a vida do desenvolvedor e dos fabricantes de browsers, para não esperar todo o desenvolvimento da linguagem e para depois ser publicada a nova linguagem. Há exemplo disso, um grupo irá cuidar da propriedade Background, outros da propriedade Border e outras propriedades de texto, e isso torna independente e pode ser lançado novidades a qualquer momento. A junção do HTML 5 e do CSS3 ficou mais dinâmico para uso dos browsers. A desvantagem das duas linguagens juntas é que há muitos problemas de compatibilidade. Há dois browsers que são compatíveis com HTML 5 e com o CSS3, que é o Ópera e o Firefox.

html5-css3.jpg

Vantagens em utilizar HTML 5 e CSS3:

  1. O seu desenvolvimento é mais rápido;
  2. Tempo de desenvolvimento reduzido;
  3. Sites feitos em HTML 5 são mais modernos;
  4. Suporte par animação CSS3, SGV para aplicação 3D;
  5. Busca mais clara no auxilio do uso do Google.
  • COMPILADORES x HTML5 & CSS3

A relação encontrada entre os assuntos é bem clara. No precesso de tradução de um compilador, em seu terceiro processo, a análise semâtica , o compilador realiza o processo de verificar os erros semânticos no código, ou seja, ele verifica a coerência do significado do que está no código. E no processo de tradução web, existe a web semântica, que realiza verificações na “web de dados”, realizando uma leitura parea que possa facilitar o processo de tradução da linguagem web para a interação do código com a máquina, tornando assim o processo mais proveitoso para o computador e viabilizando para o desenvolvimento de sistemas a oportunidade de conceder um suporte a interação melhor na rede. O termo “Web Semântica” refere-se à visão do W3C da Web dos Dados Linkados. A Web Semântica dá aos desenvolvedores e usuários, a capacidade de criarem repositórios de dados na Web, construírem vocabulários e escreverem regras para interoperarem com esses dados. A linkagem de dados é possível com tecnologias como RDF, SPARQL, OWL, SKOS, entre outros.

  • REFERÊNCIAS

http://pt.wikipedia.org/wiki/CSS3

http://www.w3schools.com/html/html5_intro.asp

http://pt.wikipedia.org/wiki/HTML5

http://blog.cerradotecnologia.com/um-pouco-sobre-css3/

http://forum.wmonline.com.br/topic/143090-w3c-o-que-e-pra-que-serve

http://www.w3schools.com/html/html5_new_elements.asp

http://www.w3c.br/Padroes

http://www.mapsd.com.br/blog/index.php/2009/11/o-que-e-w3c/

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License